Idoso acamado: saiba quais cuidados são essenciais nesse momento!

4 minutos para ler

Um idoso acamado requer cuidados e atenção especiais, não apenas por seu estado de saúde que o levou a ficar de cama, mas também porque, de modo geral, o sistema imunológico na terceira idade é sensível a outros problemas.

Apesar de a situação demandar cuidados mais específicos, não quer dizer que o idoso não possa continuar tendo uma vida feliz. Tomando as devidas precauções, é possível se recuperar e ficar bem.

A seguir, mostraremos quais são os principais cuidados diários que o idoso acamado deve receber para preservar a qualidade de vida e o bem-estar. Acompanhe!

Fisioterapia

A fisioterapia é indispensável em praticamente todos os casos em que uma pessoa na terceira idade necessita ficar acamada. Afinal, quando o corpo fica sem movimentação por muitos dias, diversos problemas podem surgir.

Além de ajudar na reabilitação, a fisioterapia evita que outras complicações se desenvolvam. Durante uma sessão, o idoso movimenta as suas articulações e estimula a musculatura, fortalecendo essas partes do corpo e acelerando a recuperação.

Acompanhamento médico especializado

Um problema de saúde precisa ser cuidado por médicos e especialistas no assunto. No caso de um idoso acamado, muitas vezes, é indispensável ainda que seja feito um acompanhamento por um geriatra.

Além disso, a frequência dos medicamentos, a dieta específica e a exigência de checagens frequentes de temperatura, pressão e outros dados fisiológicos fazem com que o acompanhamento de enfermeiros também seja necessário.

Higiene regular

Para manter a saúde e a qualidade de vida, outro cuidado que deve ser realizado com frequência é a manutenção da higiene do idoso. Dependendo da situação, ele não conseguirá realizar atividades básicas da vida diária sozinho, como ir ao banheiro ou tomar banho, mesmo que sentado.

Nesses casos, é preciso que outra pessoa seja responsável por auxiliá-lo nas tarefas. Lembrando que a falta de cuidado com a higiene pode levar ao desenvolvimento de outros problemas.

Entretenimento

Não é porque o idoso está de cama que ele não tenha que se distrair e curtir momentos de lazer, certo? Por isso, é responsabilidade dos familiares ou dos cuidadores disponibilizar atividades e meios para que o paciente consiga se distrair e aproveitar o seu dia.

As atividades vão depender da condição que cada pessoa tem para desenvolvê-la. Normalmente, a leitura, os jogos, os filmes, as visitas de amigos e os trabalhos manuais são excelentes pedidas.

Carinho e humanização

O carinho e a humanização com o idoso acamado farão toda a diferença nos dias em que ele se encontrar nessa situação. Tratar uma pessoa de forma humana significa entender que, independentemente da situação a qual ela se encontra, merece carinho, atenção e solidariedade.

Por isso, é preciso sempre estar disponível para ouvir o que o idoso tem a dizer, passar confiança, explicar como está indo o tratamento, tranquilizar e fazer com que os dias difíceis tornem-se um pouco mais fáceis.

Casa de repouso

Lidar com um idoso acamado, tomando todos os cuidados para que ele enfrente essa situação da melhor forma possível, pode não ser uma tarefa fácil. Afinal, a rotina é corrida e, muitas vezes, só há uma pessoa para cuidar dos familiares. Por isso, uma casa de repouso, muitas vezes, é a opção mais segura nesses casos.

Independentemente de qual seja a forma encontrada pela família para garantir o bem-estar do idoso acamado, é importante que os cuidados essenciais sejam colocados em prática. Lembre-se de que mesmo doente, a vida do seu ente querido importa muito. Logo, é preciso encontrar meios para que ele supere os desafios com tranquilidade e segurança.

Achou o post interessante? Se a resposta for sim, aproveite para ler outro conteúdo. Confira, agora mesmo, nosso guia completo sobre a residência sênior!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

shares