O que parece ser algo natural para os jovens, pode ser um problema para os idosos. Muitos deles se sentem excluídos ou, até mesmo, marginalizados por não saberem usar o computador.

Afinal, essa é uma ferramenta aparentemente tão simples, mas que deixa muitas dúvidas em quem não a domina. E com o intuito de ajudar essas pessoas que têm dificuldade para aprender a usar o computador, foram criadas as aulas de informática para idosos.

Vivemos em uma época na qual o contato com a tecnologia e computadores é constante. A internet já virou a principal fonte de pesquisa de muita gente graças à enorme quantidade de conteúdos que é compartilhada todos os dias em vários sites.

Além disso, as ferramentas disponíveis no computador facilitam muito diversas tarefas do dia a dia.

É importante para os idosos também terem acesso a essas facilidades, pois muitos se sentem incapazes já que, quando vão fazer algo em um computador, precisam pedir ajuda a alguém.

O que é a aula de informática para idosos?

Ministradas por professores capacitados, as aulas de informática para idosos têm um ritmo diferente, respeitando, assim, as capacidades de aprendizado de cada um.

A aula de informática para idosos é elaborada para ensinar pessoas que estão na terceira idade a interagir com novas tecnologias por meio do uso de funções básicas do computador.

Essas aulas começam pelas tarefas mais simples, como ligar e desligar o computador, e, depois, passam para tarefas mais avançadas para esse público, como editores de texto e uso da internet.

Além de ter uma grade curricular e materiais didáticos elaborados especialmente para os idosos, tais cursos também apresentam professores preparados para lidar com as dificuldades e necessidades dos alunos.

As informações devem ser passadas de forma que nenhum aluno se sinta constrangido ou incapaz por não entender algo.

As aulas de informática para idosos devem, portanto, ser totalmente adaptadas, seguindo um ritmo mais lento para que todos consigam assimilar as informações passadas.

Além disso, nelas também é muito importante repetir as palavras para ajudar na fixação dos principais conceitos da informática e usar termos mais amigáveis, evitando o uso de muito inglês.

Qual sua importância?

Os cursos de informática para idosos têm ficado cada vez mais populares graças à sua importância. Um grande benefício da aula de informática para idosos é a inclusão promovida por meio da capacidade de lidar com o computador.

Os idosos podem ter tarefas como digitar um texto ou mandar e-mails facilitadas, sabendo fazer isso sem precisar da ajuda de outras pessoas.

Além de promover o conhecimento, esse tipo de aula ajuda os idosos a terem a sua autoestima melhorada por conta do aprendizado.

Eles não se sentem mais tão dependentes e podem realizar tarefas que, sem um computador, seriam bem mais difíceis, como escrever um livro, ou, até mesmo, salvar receitas e compartilhar com os amigos.

Quem pode participar?

Esse tipo de curso é destinado a pessoas na terceira idade, a partir dos 55 anos. Não é necessário ter nenhum conhecimento prévio sobre informática, pois o intuito das aulas é realmente ensinar o uso do computador partindo do zero.

Como funcionam as aulas?

As aulas de informática para idosos ensinam o básico do uso de um computador.

As aulas de informática para idosos ensinam o uso básico de computadores. Ao fazer o curso, os alunos aprendem a usar o computador para utilizar editores de textos, planilhas e apresentações de slides, enviar e-mails e, até mesmo, usar as redes sociais e programas de troca de mensagens mais conhecidos.

Os seus módulos geralmente são divididos da seguinte forma:

A estrutura básica de um computador

Mouse, teclado, monitor e outros termos são muito importantes para quem quer aprender a usar o computador. No início, devem ser apresentadas aos alunos as partes básicas de um computador.

No decorrer das aulas, outros termos como navegador, editor de texto, entre outros, devem seguir reforçados para melhor assimilação dos conteúdos.

Ligar e desligar o computador

Essa pode parecer uma tarefa simples, mas muitos idosos deixam de aprender a usar o computador por não saber ligar e desligar a máquina.

Os conhecimentos devem ser passados de forma simples, sem deixar que eles fiquem constrangidos por não saberem fazer isso.

O básico do sistema operacional

Outra coisa muito importante é saber usar as funções básicas do sistema operacional, como a criação de pastas, copiar e colar arquivos, organizar os arquivos em pasta, abrir programas, etc.

Uma forma bem simples de ensinar a mexer com arquivos é por meio de fotos. Normalmente, idosos gostam muito de guardar e rever fotos da família.

Word

O editor de texto é uma das ferramentas mais utilizadas em computadores. Por isso, é bom conhecer o básico do seu funcionamento.

Além disso, o Word é a porta de entrada para o aprendizado do básico sobre programas de computador.

E-mail e Redes Sociais

Por fim, é ensinado como criar uma conta e como usar as redes sociais. Nessa etapa, é importante falar também sobre a questão da privacidade na internet.

É essencial orientar quanto a essa questão, instruindo que é preciso sempre ter cuidado com o que se posta e na hora de abrir e-mails ou links suspeitos.

Estes geralmente são os módulos de uma aula de informática para idosos. O seu objetivo é ensinar o básico da utilização de um computador para que eles possam se familiarizar com o seu uso a fim de aproveitar sem medo as vantagens que a informática oferece.

O que você achou deste artigo? Comente! E se curtiu, não deixe de compartilhar com os amigos nas redes sociais para que eles também tenham acesso a esse conhecimento. Agradecemos pela leitura e até a próxima!